Nossa roça, nossa vida

Salut mes amis.

Quanto tempo… e quanta novidade… Nem sei por onde começar.

Que tal pelo Cégep? A sessão de inverno, ou o quarto semestre do DEC (Diplôme d’études collégiales) em Tecnhiques de la documentation, terminou bem. Passei em todas as matérias, com um baita sufoco, viu! Mas consegui. Além disso, fiz a Épreuve uniforme de français, prova obrigatória para todos os alunos que optam por um DEC e deu tudo certo  😀 Ainda tenho mais quatro semestres pela frente. Que venham!

Minhas aulas terminaram no dia 23 de maio e no dia 24 engatei no emprego de verão dentro da área de estudo. Voilà um dos motivos do meu sumiço por aqui. Estou trabalhando em tempo pleno na Central dos sindicatos de Québec, digitalizando e (re)organizando documentos históricos. Estou amando e me sentindo útil, como há tempos não sentia. Trabalhar é muito bom, né gente?! Pena que o contrato vai até primeira quinzena de agosto. Depois, (re)engato na sessão de outono do cégepão. E assim caminha a Nilian.

Fabricio completou um ano no trabalho. Passa rápido, né? Ele tá até curtindo umas mini-férias. Tirou alguns dias para aproveitar o nosso xodó, o Festival d’été de Québec. E a galinha tá acompanhando o pato e tá ficando cansadérrima. Definitivamente não tenho mais o pique de antes. Ainda bem que hoje, domingão, o show da noite não nos apetece.

E no meio disso tudo conseguimos crédito no banco e compramos um bangalow em Charny, #nossaroça #nossavida. Começamos a procurar uma casa em dezembro, fechamos negócio em maio e nos mudamos em junho. Simples assim? Claro que não. Tem que ter disposição e paciência. Peregrinamos por pelo menos umas quatro instituições financeiras, visitamos umas cinco casas e assinamos uma nova revista: hipoteca, construção & reforma. Além disso, a temporada de churrasco no quintal anda bombando. Voilà outro motivo do meu sumiço por aqui.

Agora que atualizei o bloguinho, posso sumir de novo. É verão!

Uma hora eu volto.

 

 

 

 

 

Anúncios

Sobre Les Brazucois

:: Fabricio & Nilian . Aventuras e desventuras desses dois imigrantes em Québec, Canadá ::
Esse post foi publicado em Voilà. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s