Até breve, cégep! Hein?!

Salut mes amis!

Quando eu digo que essa tal de imigração é uma novela digna de Manoel Carlos, várias pessoas riem de mim. No nosso caso, meu e do Fabricio, esse folhetim rende muitas cenas de comédia, amor e dramalhão latino com viradas surpreendentes na trama.

Para quem acompanha nossa saga em terras quebequenses sabe que euzinha começarei a sessão de inverno no Cégep Garneau na próxima segunda, dia 25 de janeiro. Até agora, minha história caminha super bem. Fabricio também começaria junto comigo na segunda. Começaria…

Na última semana, ele teve que trancar sua matrícula a pedido do conselheiro pedagógico. Por que? Fabricio fora diagnosticado com otosclerose e estava perdendo a audição do ouvido esquerdo. E óbvio que esta perda progressiva estava dificultando, e muito, a sua adaptação por aqui. Se já é difícil para uma pessoa normal aprender outro idioma, imaginem para quem está com problemas de audição?!

O lado bom da nossa vida é que temos uma médica de família que nos deu (e dá) todo suporte. Ela encaminhou o Fabricio para um otorrino bam-bam-bam que sugeriu uma cirurgia com 99% de chance de corrigir o problema, substituindo o estribo calcificado por uma prótese. E tudo isso através do SUS daqui, gente! Nós não pagamos plano de saúde!

Hora do parênteses: (Essa cirurgia no Brasil custa o preço de um carro popular e, na grande maioria, não é coberta pelos planos de saúde. Provavelmente fazê-la pelo SUS demanda paciência, pois tem que entrar numa fila de espera).

E ontem, 22 de janeiro, foi a cirurgia. Claro que merece um post à parte. Adianto que foi um sucesso e meu ex-surdinho-preferido está se recuperando super bem. Como o procedimento é delicado e pode afetar o labirinto causando tonteiras e vertigens, é primordial que ele fique na horizontal a maior parte do tempo. Além de garantir que a prótese “cole” direitinho sem sair do lugar. Repouso absoluto por quatro semanas. Isso quer dizer sem fazer qualquer atividade, inclusive assistir às aulas e principalmente praticar educação física.

Quatro semanas sem aulas é muita informação e conteúdo perdidos. Ainda que ele tentasse recuperar estudando loucamente, o conselheiro pedagógico jogou a real dizendo que não rolaria. Seria reprovado por falta, mesmo com atestado médico. Impossível recuperar. Por isso, ele trancou a matrícula com um certo pesar no coração, adiando para a sessão de outono.

E agora, José? Simples: recuperar, recuperar e recuperar mais um pouquinho. Depois, como de praxe, ninguém sabe o que será.

Ahhhh… essa tal de imigração…

Bises

13!

13!

Anúncios

Sobre Les Brazucois

:: Fabricio & Nilian . Aventuras e desventuras desses dois imigrantes em Québec, Canadá ::
Esse post foi publicado em Voilà. Bookmark o link permanente.

8 respostas para Até breve, cégep! Hein?!

  1. Rodrigo Rosas Fernandes disse:

    Muito fã desse casal e suas aventuras! Difícil dizer o que está melhor: o texto a foto ou a orelha!

  2. Ana disse:

    Boa recuperaçao, Fabricio! Imigraçao é novela dramalhao mexicano mesmo, cada dia um susto ou uma surpresa rsrsrs.

  3. MIlenna disse:

    Boa recuperação ao seu esposo! Que bom que vcs já estão por aí, já que se estivesse por aqui, nao iria rolar essa cirurgia pelo SUS nao…. Acompanho a saga de vcs há muito tempo (desde os seus problemas no exame médico) e estou sempre na torcida! Boa sorte aos dois (vc no Cegép e seu marido no pós-cirúrgico).

    • les Brazucois disse:

      Olá, Milena! Fico feliz que tem acompanhado nossa história. Na verdade, não é só a imigração que nos proporciona essas loucuras. A vida em geral, não importa lugar, sempre nos prega peças, não é mesmo?! Obrigada pela torcida. Um abraço. Nilian

  4. Doug disse:

    Que bom que correu tudo bem na cirurgia!! Imagino a frustração do Fabrício em ter que adiar a volta às aulas (sem falar em ter que ficar pregado na cama por quatro semanas), mas estou confiante que isso, no fim, vai é ajudá-lo ainda mais!

    Sucesso pra vocês e uma excelente recuperação pra ele!

    Abraço!

  5. Andrea Britto disse:

    Nossa… Que história hein? Boa recuperação Fabrício! 🙂 Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s